Os Aviões Também Param

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

video

Décimo Terceiro Sábado

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

O Informativo das Missões do trimestre que findou no sábado, 26 de junho, mostrou projetos da Divisão Euro-Africana, que serão beneficiados com as ofertas que foram doadas.
A apresentação final foi neste 13º sábado e teve quatro participantes, sendo um narrador e três repórteres, representados por Matusalén Bertolin e sua esposa Cláudia, além de Ivo Descovi e Jorge de Lima.
Estamos, agora, num novo trimestre, cujas ofertas beneficiarão a Divisão Transeuropeia.

Davi e Golias

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

O Momento Infantil tem se tornado criativo e dinâmico despertando a atenção até no público adulto, que conhece várias das histórias apresentadas.
No sábado, 12 de junho , o ancião Jorge de Lima contou a conhecidíssima história de Davi e Golias e atraiu a atenção de todos, pois ilustrou a história com dois bonecos representando os personagens e agitando uma funda tornou a cena mais real.

Trimestral em Cachoeira

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

Será neste sábado, 19 de junho, a partir das 9 horas no Salão dos Jovens, a reunião trimestral da liderança dos departamentos das crianças e dos adolescentes da região. O SELS (Serviço Educacional Lar e Saúde) também estará presente para quem queira adquirir lições da Escola Sabatina, materiais para departamentos, livros, revistas, hinários, CDs, DVDs e outros materiais denominacionais.
Se você é líder, pai, responsável por criança ou adolescente, ou se é jovem, enfim todos estão convidados a conhecerem o que o SELS tem para oferecer.
Outra forma de adquirir esses e outros produtos é participar da Casa online inverno.

Adorando com Esperança

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

Vem aí a Semana de Oração do Ministério de Mordomia Cristã - "ADORANDO COM ESPERANÇA", nos dias e horários normais de culto, 19, 20, 23 e 26 de junho.
O poder da comunhão para uma vida de santificação e obediência.
Participe! Convide seus amigos de oração e desfrute desses momentos de crescimento espiritual e de intimidade com Deus.

Coral Jovem

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

O salmista escreveu: "Cantarei ao Senhor enquanto eu viver; cantarei louvores a meu Deus durante a minha vida" Salmo 104:33.
O Coral Jovem se apresentou no sábado, 12 de junho, no Culto Divino. O pregador foi o ancião Alexsander Munhoz.

Jantar dos Namorados

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul


A Igreja Adventista de Cachoeira esta organizando um Jantar dos Namorados no dia 19 de junho, às 19h30min no restaurante Fratelli, com o custo de R$ 30,00 para o casal com direito a uma bebida (suco, refri). Para participar deve-se fazer uma inscrição com Luciene Brendler, se houver vaga.

O Toque da Fé

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

A colportora Suzana Zucatti de Paula foi quem trouxe a mensagem no Culto Divino, no sábado, 5 de junho. Ela estava representando o Ministério da Mulher.
Seu esposo Adriano Rodrigues contou uma história no Momento Infantil e os louvores foram apresentados por Anderson da Silva e pelo Trio Convicção, composto por Leidiane Cavalheiro, Gabriela Marques e Camila Munhoz.

casa online inverno

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

Nos dias 19 e 20 de junho a Casa Publicadora Brasileira vai atender todo o Brasil. É sua oportunidade de adquirir mensagens de salvação através de livros, revistas, CDs e DVDs. Tudo isso por um preço acessível e com o conforto de receber gratuitamente em sua casa. Participe desse grandioso evento!
Você pode ligar do seu celular: 0800-9790606. Sábado, das 19h às 24h / Domingo, das 8h às 24h (horário de Brasília). Ou conferir o novo site: www.cpb.com.br.
Você também pode seguir a casa no twitter: www.twitter.com/casapublicadora .

Internet

Postado por Igreja Adventista Central de Cachoeira do Sul

Internet foi o tema discutido no sábado, 29 de maio, no Culto JA.
Além dos momentos de louvor, de oração e outros , o ponto alto ficou por conta da TV Jovem apresentada por Adriano de Paula como Cid Moreno e Cláudia Alves como repórter Glória Mania. Participaram de uma entrevista sobre a Internet: pontos positivos e negativos a professora Neiva Köhler, o pastor Hugo Portugal e o policial militar Jairo da Rosa, que abrangeram o assunto nas esferas de atuação.
Este tema também foi apresentado pelos jornalistas Fernando Torres e Sueli Ferreira de Oliveira na revista Conexão JA do 4º trimestre de 2009. Veja o artigo publicado:

Acesso livre

Domine a internet, mas não seja dominado por ela

Quando a internet surgiu, lá pelos anos 70 e 80, muitas pessoas anunciaram o início de novos tempos. Falava-se que ninguém mais sairia de casa para fazer compras nem ir ao banco, que a vida social das pessoas seria absolutamente comprometida. Pode parecer confuso, mas tudo isso é e não é verdade.

Por meio da internet, você pode estudar, fazer amigos (MSN, Orkut e Skype que o digam), ganhar um espaço, ficar informado, trabalhar. É um universo fascinante. Você clica aqui, clica ali... e acessa o mundo, em qualquer lugar ou hora. O Marechal Rondon, reconhecido “Patrono das Comunicações Nacionais”, ficaria surpreso com a comunicação digital. No Brasil, segundo a Agência Estado, “o número de internautas residenciais que utilizaram a internet em abril de 2006 atingiu 13,4 milhões de pessoas”. Se você levar em consideração a população brasileira (estimativa de 182 milhões até o fim deste ano, segundo o IBGE), o número de usuários da internet não é tão assustador. No entanto, é bom lembrar que a maioria desses usuários é jovem.

Dorothy Lehr, 17 anos, do Unasp, Campus Engenheiro Coelho, é uma dessas internautas. “Uso a internet para lazer, para conversar com os amigos que estão longe”, diz ela. Mas nem tudo foram rosas no uso da grande teia. “No passado, a internet virou um vício na minha vida. Eu já deixei de jantar, de estudar e até de ficar com meus amigos para navegar na internet. A gente não vê o tempo passar.” Como era um vício consciente, Dorothy decidiu mudar. “Foi um pouco difícil, mas consegui. Atualmente, eu fico umas cinco horas por semana”, conta a garota que é fã de MSN, Orkut e fotologs.

Rodrigo Freire, 25 anos, de Porto Alegre, RS, também teve alguns problemas com a internet. A rede atrapalhou sua rotina de estudos, de trabalho e de horas de sono, devido à dependência criada por horas a fio na frente do computador. “Passava muito tempo conversando com meus amigos pelo MSN, em vez de falar com eles cara-a-cara. Uma garota com quem tinha altos papos chegou a dizer que me considerava um grande amigo. O detalhe é que, pessoalmente, nos vimos pouquíssimas vezes”, relata. Depois de perceber que a web estava lhe prejudicando – ele admite que ficou até mais ansioso –, Rodrigo decidiu estabelecer limites. “Determinei metas de estudo e horários estipulados para usar o computador. Com o tempo, acabei me desvencilhando da internet e nem uso todo o tempo que me propus”, garante o jovem, que gasta, atualmente, cerca de oito horas semanais pra entrar em contato com amigos distantes pelo MSN e Orkut.

EMARANHADO NA TEIA?

Como você pode ver, o risco de o jovem ficar emaranhado nessa grande teia é muito grande. De acordo com a psicóloga Tercia Barbalho, coordenadora do Curso de Psicologia do Unasp, Campus São Paulo, a internet traz grandes facilidades para a comunicação, mas também estimula muitos malefícios se não for bem utilizada. “Se o jovem usar a internet excessivamente, ele pode se tornar dependente e suscitar crises fóbicas, de depressão e ansiedade”, avisa ela. Por que isso acontece? Segundo Tercia, a internet sacia apenas em parte as necessidades sociais. “Em um site de relacionamentos, há um vazio entre o computador e os dois usuários. É esse vazio que cria o vício, a mania. Aquilo se torna uma compulsão; todo o tempo é direcionado para o computador”, explica.

Fique calmo. A internet não é um instrumento maligno. Mas, pense bem: se ela é um meio popular de comunicação, por que o inimigo ficaria fora dela? Ele está online. Não ignore suas ciladas para atraí-lo. É indispensável lembrar-se de que a batalha do bem contra o mal acontece em nossa mente, porque tudo depende das escolhas que fazemos.

Tendo isso em vista, o pastor Paulo Bravo, líder de jovens da União Centro-Oeste (Ucob), em Brasília, DF, menciona dois pontos principais na relação entre o jovem e a internet. “O primeiro deles”, diz ele, “é selecionar com cuidado o tipo de pessoa com a qual se conecta em comunidades, as conversas que mantém, os sites pelos quais se navega.” É bom também tomar cuidado com a preservação da identidade, pois, exceto com amigos que já se conhecem, nunca se tem certeza de que a pessoa do outro lado esteja falando a verdade. A psicóloga Tercia completa: “A partir do momento em que a conversa começar a trazer assuntos invasivos ou a trair seus princípios e valores, essa é a hora de desconectar.”

O segundo ponto mencionado pelo pastor Paulo é fiscalizar o tempo que o jovem dedica à internet. “Nem tudo que não é pecado eu devo fazer”, previne. “Não é só porque estou navegando por bons sites que eu devo dedicar todo o tempo do mundo para isso. Há muita gente que não dorme, não se alimenta direito, deixa de estudar a Bíblia, porque passa tempo demais diante do computador.”

Uma das grandes armadilhas que o inimigo tem usado é distrair nossa atenção das coisas de Deus com coisas boas. “Às vezes, só navegando em sites cristãos, a gente acaba perdendo muito tempo”, diz o pastor. A gente corre o risco de tentar abastecer a vida espiritual com coisas paralelas e deixar de lado a essência, que é a Palavra de Deus. Até mesmo o sábado pode ser negligenciado por causa da internet. Muitos jovens desperdiçam essas horas sagradas ao navegar pela web horas a fio. O conteúdo é bom? É. Mas esse não é o dia apropriado para fazer uso dele, pelo menos não na maior parte do tempo, a ponto de deixar de lado o ensaio do coral, as atividades da igreja, o culto jovem ou mesmo chegar morrendo de sono na igreja, no sábado de manhã.

“NÃO TE ARRISCARÁS”

Analisando friamente, não é tão difícil imaginar qual é a vontade de Deus para o internauta. É claro que sexo explícito, pornografia e pedofilia estão fora de questão. Mas não se engane: a tentação virá sutilmente.

Talvez você já tenha vivido esta cena: diante do micro, navegando por sites do bem, lendo algumas notícias, pesquisando e, de repente, encontra um link para um site perigoso ou impróprio para um jovem cristão. É difícil resistir à curiosidade, principalmente se você se sente suficientemente seguro para “dar apenas uma espiadinha”. Sabe como isso funciona? Uma espiadinha leva à outra, e está feito o estrago. Você se sente livre para acessar novamente esses sites e, quando menos esperar, estará “fisgado”.

Como a curiosidade é sempre um perigo, nesses casos, o mandamento é “não te arriscarás”. “O jovem precisa ter a noção de que é o homem que domina a máquina e não contrário”, resume a psicóloga Tercia.

“A internet é uma ferramenta bárbara de comunicação”, afirma o pastor Paulo. “É rápida, eficiente e barata. A gente sabe de toda a beleza que ela tem, mas sabe também de toda preocupação que gira em torno dela.” Por isso, nessa rede, não dá para bobear. Equipe-se com o material de segurança (veja quadro) e navegue com precaução. Lembre-se: o acesso à web é livre, mas cabe a você escolher os melhores links para trilhar.

Amigo Visitante,

Sua presença e comentários são bem-vindos.
Não saia daqui sem deixar sua opinião, sugestão, ideias... Elas são de relevância, pois assim, teremos uma noção mais clara da visão que estão tendo sobre o blog e os artigos aqui postados.